Problemas de coluna: Ginásio vs Piscina

 

Muitas pessoas com problemas de coluna de origem diversa procuram os Health Club com o objetivo de resolver as suas patologias ou simplesmente evitar que estas se agravem. Quando começam a treinar, uma das questões mais pertinentes prende-se com a rotina semanal e com os exercícios que deverão realizar. Nesta fase questionam-se muitas vezes sobre o que será mais adaptado para a sua condição – treinos no ginásio ou na piscina?

Ginásio

– Permite realizar exercícios mais próximos da realidade do nosso quotidiano;
– Nos casos em que os problemas estão associados ao sistema muscular fraco, poderá ser a solução indicada;
– Necessita de maior supervisão da postura para garantir que os exercícios não agravam os problemas;
– Devido às cargas adicionais, poderá ser mais perigoso para a coluna;
– Enorme variabilidade de treinos (treino força, cardiovascular, flexibilidade, reeducação postural, aulas grupo,…).

324518005_2_CO_1_57-7422_M0004644_Fr
324500522_0_PR_1_324500522-59c8daae-cfc0-4917-8c82-e4d590cf150f

Roupa desportiva  |  Sapatilhas

 

Piscina

– Gravidade reduzida, poderá ser benéfica pela diminuição de pressão sobre articulações (coluna incluída), tornando-se uma atividade teoricamente mais segura;
– Em fases agudas (existência de dor) poderá ser mais adequado;
– Várias possibilidades (natação, hidroterapia, hidroginástica,…).

324499483_0_PR_1_324499483-89f9d790-2e06-4e2e-bf3c-47f4fe2ee02e
                                                                                          

No final qual será melhor, o ginásio ou a piscina? Será sempre difícil dar uma resposta genérica.

Tudo dependerá do problema de coluna em questão (hérnias discais, escolioses, desgaste articular,…) e das caraterísticas do praticante (idade, outras patologias existentes, experiência de treino, objetivos,…). Talvez uma combinação entre ambas, aproveitando os benefícios de cada uma e adaptando um plano de treino a cada caso, seja a melhor solução.

Por exemplo, em fases agudas (presença de dor), o melhor serão atividades relaxantes, que poderão incluir a piscina ou trabalho de relaxamento e alongamentos no ginásio. Sendo o treino de força essencial para qualquer programa de treino, o trabalho em ginásio é fundamental, embora também se possam realizar exercícios de força na água.

Não existem soluções mágicas. Deve ocorrer sempre uma análise específica por um profissional, se possível conjugando a parte médica com a parte desportiva para otimizar os resultados.

José Pereira  –  Trainer Holmes Place Coimbra

Deixe um comentário