Aquela capa

 

Sónia Miranda
Existem tendências que se tornam já previsíveis e vamos vendo nas Passerelles Nacionais e Internacionais e as que simplesmente são lançadas pelas ‘IT GIRLS’  e se tornam verdadeiros sucessos de vendas.

As Capas/Ponchos são um belo exemplo disso.

É uma peça super versátil, perfeita para os dias de Outono/Inverno e dá um toque de originalidade ao look.

Podem ser conjugadas de variadas formas, aqui ficam algumas Sugestões:

1. Uma Capa de Cor Neutra, traz equilíbrio num Vestido/Saia com padrão

2. Com uma Capa Estampada, podemos dar alegria a um Jumpsuit Preto

3. Jeans e uma blusa, um look tão simples e básico que facilmente se torna criativo com uma bela Capa

4. Sobreposta a um blazer, dá aquele toque inesperado ao outfit

5. Aliada a um chapéu de abas largas torna o look super elegante

6. Para as mulheres, a quem o facto de a cintura não estar definida, lhes faça confusão, basta acrescentar um cinto por cima da Capa

7. É também uma excelente opção para uma visita a um local com Neve

Capa
Mas a verdade é que existem mulheres a quem a dúvida, bem mais frequente do que o que possamos imaginar, surge…

‘ Como  manter a capa no lugar? ‘

Claro que um belíssimo alfinete é uma Boa Aposta, mas com esta giríssima Capa da Mademoiselle R na La Redoute  o trabalho é bastante facilitado e com o dia-a-dia agitado que as mulheres têm, tudo o que as faça ganhar uns minutos extra, ou pelo menos não os perder, é sempre bastante vantajoso.

 

Dica:  Conjugar com  luvas em pele (sintética ou não) de cano longo, é um detalhe que acrescenta glamour e sofisticação.

Texto de Sónia Miranda | Leitora do Magazine de Tendências

Este texto é de exclusiva responsabilidade do seu autor.

2 de comentários

  1. Taras e Manias - 13 Novembro, 2014

    Obrigada pela partilha do artigo.
    Estou super orgulhosa e a capa é linda, serviu de inspiração.

    http://www.tarasemanias.pt

  2. João Pedro Batista - 13 Novembro, 2014

    Gostei da diversidade de opções que abordaste bem como a escolha da peça . Parabéns pelo artigo e esperemos que não seja o último .

Deixe um comentário